16 de janeiro de 2014

A Nossa Passagem de Ano,...

Bom dia, meus queridos amigos, seguidores e visitantes deste Meu Refúgio!

Espero que estejam a pensar já no fim-de-semana como eu. Para poder descansar, dormir e relaxar, depois de uma semana de trabalho.

Bem, no post anterior partilhei convosco, como passamos o Natal aqui em casa. Hoje partilho com vocês a passagem do Ano Novo.

 Também foi em minha casa, com as mesmas pessoas, e desta vez, fizemos de maneira diferente. As mulheres juntaram-se e foram sozinhas às compras e depois dividiu-se a despesa por todos (para não custar tanto). Como tenho o cartão da Makro, lá fomos às compras. Poucas eram as coisas de que precisávamos, pois tinha sobrado bacalhau do Natal, os frutos secos e mais uma ou outra coisa. Apenas era preciso comprar a carne, o champagne, queijo (o pessoal adora pão-de-ló com queijo), as bebidas, camarão, café e o resto eu tinha em casa J

Digo-vos sinceramente, que para quem tem pessoal em casa, nestes dias de festa, dividindo as despesas por todos, não custa tanto e assim também não há quem aponte o dedo, se “eu trouxe isto e tu trouxeste aquilo”. Depois se sobrar alguma comida, divide-se por todos e pronto.

A vida está cara para todos e se todos ajudarem, não custa tanto e nem se sente tanto no nosso orçamento familiar. Deixo-vos assim esta dica, para colocarem em prática nas vossas casas, quando houver este tipo de festas.

Desde pequena, que os meus pais me habituaram, que tanto no Natal, como no Ano Novo, a tradição manda comer Bacalhau. Se passo estes dias sem comer o bacalhau cozido no 24 de Dezembro e no dia 25 de Dezembro farrapo velho (no dia de Natal) e também carne assada, não é Natal para mim. Assim, tem sido até hoje e se poder sempre será. Este ano não foi diferente! Tanto no Natal como no Ano Novo. Mas este ano na passagem de ano, fizemos Bacalhau à Lagareiro com Batata à murro (embora se cozesse à parte algumas postas de bacalhau, para fazer o tradicional farrapo velho no dia seguinte) e no dia de Ano Novo assamos também carne, com batatas e arroz.


Mostro de seguida algumas fotos, de alguns doces feitos. Nada de exageros, porque nestes dias comemos imenso e depois andamos a comer as rabanadas, nos dias seguintes J



Tarte de Amêndoa feita pela minha mamã, podem ver a receita aqui,... 



Pão-de-Ló feito por mim,....




Bacalhau à Lagareiro, com Batatas à Murro,....receita da sogra,...



E claro, havias as tradicionais rabanadas, Bolo de Cenoura (feito pela sogra), frutos secos, queijo, Bolo Rei (única coisa que compramos de doces), Aletria....
e boa disposição, como se comprova na foto em infra,... 




Espero que tenham gostado,....


Um óptimo fim-de-semana para todos,.....sejam felizes!!!

Beijinhos,.....


Façam o like na minha página, ficarei muito feliz e queria muito ter os vossos likes  J




8 comentários:

Marisa Valadas disse...

Adoro tarte de amêndoa e o bacalhau estava mesmo apetitoso

Sabores Autenticos disse...

Estava tudo com um aspeto delicioso!
Bjs

sandra neiva disse...

Olá mary,

essa tarte de amêndoa é qualquer coisa, ficou linda e gulosa, uma delicia.

Beijinhos

Josy disse...

Querida Mary, aqui costumamos dividir as despesas e sobras também, dividindo sempre sai mais em conta. Adorei as fotos, delicias que dão saudades. Rabanadas e bacalhau são duas receitas que já é tradição nos nossos Natais. Belas fotos. Beijinhos

Cuca disse...

Adoro tarte de amêndoa! A da tua mãe ficou com um aspecto de babar :)

Beijinhos*

São Ribeiro disse...

Estava tudo uma delicia,mas aquele tarte de amêndoa deixou-me com agua na boca
bj

Selene disse...

Quanta coisa boa.
Beijinhos e Feliz 2014
http://receitasdaselene.blogspot.pt/

Formiguinha disse...

Olá Mary:)

O teu fim de ano foi uma delícia! Gostei de tudo:) Do bacalhau à lagareiro ao pão-de-ló. Tudo muito bom:)

Bom domingo!
Beijinhos